Governo

Atualizado em 07/06/2017 07:00

Ricardo acompanha apresentação do Planejamento Estratégico da Segurança Pública

O governador Ricardo Coutinho acompanhou, nesta terça-feira (6), no Palácio da Redenção, a apresentação do Planejamento Estratégico da Segurança Pública que está sendo construído em conjunto pelas Forças de Segurança do Estado. O Planejamento traça estratégias de ações para os próximos dez anos, visando o combate à criminalidade e a formação de uma cultura de paz na Paraíba. O Planejamento foi apresentado ao governador pelo consultor em gestão de organizações públicas e privadas, Manoel Ferreira da Silva, que está acompanhando e orientando a construção do plano.

Participaram da reunião o secretário de Segurança e Defesa Social, Cláudio Lima, o comandante geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, o delegado geral da Polícia Civil, João Alves, o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Jair Carneiro, e outros representantes das Forças de Segurança do Estado. Também estiveram presentes os secretários Luís Torres (Comunicação Institucional), Livânia Farias (Administração), Amanda Rodrigues (Finanças), Gilberta Soares (Mulher e Diversidade Humana), o chefe de Gabinete do Governador, Nonato Bandeira, e outros auxiliares do Governo.

Na ocasião, o governador Ricardo Coutinho ressaltou a importância da construção de um planejamento estratégico para nortear as ações das forças de segurança pelos próximos anos.  Queremos ampliar as ações de segurança de forma integrada. Avançamos nos últimos seis anos, mas ainda temos muito o que melhorar. Fazer um planejamento estratégico é importante para que se mantenha um foco. O objetivo maior é diminuir a criminalidade e fazer um sistema de segurança mais ágil, motivado e compromissado com suas atribuições , frisou.

Segundo o secretário de Segurança e Defesa Social, Cláudio Lima, muitos itens do Planejamento Estratégico já estão sendo postos em prática e a intenção é que este plano também sirva de parâmetro para outras gestões, a fim de que a evolução das ações de segurança seja contínua.

 Estamos aqui planejando ações de médio e longo prazos, então, daqui a cinco ou dez anos, esperamos que esse planejamento tenha surtido os efeitos desejados. Muitas ações propostas já estão sendo feitas e outras levarão um pouco mais de tempo para serem implantadas, mas o importante é que este trabalho está sendo realizado de forma integrada entre as polícias militar, civil e Corpo de Bombeiros para definir um norte do presente para o futuro. O que queremos é buscar alternativas que tornem nossas forças de segurança ainda mais eficientes no enfrentamento da criminalidade , concluiu o secretário.

Entre as ações propostas no Planejamento Estratégico da Segurança Pública estão a formação de fóruns de prevenção ao crime; implantar e fortalecer o sistema de inteligência estadual da polícia; sistematizar a realização da conferência estadual de segurança; melhorar o atendimento nas delegacias; propor projetos de integração com outras secretarias; ampliar o atendimento da delegacia online, entre outros itens.

Também faz parte do plano ampliar e aperfeiçoar programas já existentes nos últimos anos, a exemplo do programa Mulher Protegida, também o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) da Polícia Militar e os projetos Bombeiro Mirim e Bombeiro na Escola, do Corpo de Bombeiros.

Ipea ? Pesquisa divulgada nesta segunda-feira (5) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) atesta que as ações que vêm sendo desenvolvidas na Paraíba a partir de 2011 para conter a violência estão obtendo êxito a cada ano.

De acordo com o relatório do Ipea, desde 2011 a taxa de homicídios por 100 mil habitantes vem diminuindo. Em 2011 a taxa era de 42,6, caindo para 40,0 em 2012, 39,6 em 2013, 39,3 em 2014 e 38,3 em 2015.