Policial

Atualizado em 15/01/2018 10:28

Nova fase da Operação Gabarito prende dois suspeitos na Paraíba

A Delegacia de Defraudações e Falsificações deflagrou no início da manhã desta segunda-feira (15) uma nova fase da Operação Gabarito, que mira em fraudes em concursos públicos e no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Através da Delegacia de Defraudações e Falsificações de João Pessoa (DDF), a Polícia deu cumprimento a quatro mandados judiciais expedidos pela justiça do Piauí,  sendo dois mandados de prisão preventiva e dois mandados de busca e apreensão.

Também foram cumpridos cinco mandados de prisão em Pernambuco, Piauí, Distrito Federal.  Entre elas, a prisão do suspeito que seria o professor do grupo na área de Direito.

De acordo com informações da Polícia Civil, o agente penitenciário Flavio Luciano Nascimento Borges é um dos líderes principais da organização. A Polícia ainda afirma que Luiz Paulo Silva dos Santos também seria um membro importante na área da logística, responsável por fotografar os cadernos de prova, dentro das salas de aplicação, enviando as imagens em tempo real para a organização.

Os dois suspeitos já estavam presos por conta da Operação Gabarito, e vão agora permanecer presos e à disposição da justiça do Piauí.

Em nota, a Polícia Civil da Paraíba garante continuar em diligência em conjunto com as polícias de todos os estados em que a organização criminosa atuou para que novos mandados de prisão sejam expedidos e para que os outros membros que ainda estão em liberdade sejam presos.