Estadual

Atualizado em 08/10/2018 08:39

A campanha ainda não terminou, diz Ricardo Coutinho em apoio a Haddad

legenda da imagem

O governador Ricardo Coutinho (PSB), em entrevista coletiva concedida ao lado do seu sucessor, João Azevêdo (PSB), avaliou o resultado do primeiro turno das Eleições 2018 para presidente do Brasil, que definiu Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) como concorrentes na segunda parte da corrida eleitoral.

O Brasil jamais poderia cometer um erro tão violento se elegesse alguém que não visse nada além de medo, do terror, da violência, que não disse nada. Agora é diferente, tem que ir para debate, tem que debater o que vai ser feito na economia, educação, ciência e tecnologia, não pode viver só dos medos que a nossa população tem, declarou.

O socialista declarou seu apoio ao petista e arrematou: chega! Não se pode fazer com que o país dê um salto nesse escuro e esse debate vai ser feito e será feito por nós. A campanha para nós não terminou, não é um debate contra quem quer que seja, mas a favor da razão. Não temos inimigos eleitores, mas um adversário que defendas as ideias mais retrógradas da história.