Municipal

Atualizado em 29/11/2018 16:06

Vitor Hugo acusa golpe de Geusa Ribeiro para tomar a prefeitura de Cabedelo

legenda da imagem

O clima na cidade de Cabedelo está pegando fogo. O prefeito interino Vitor Hugo acusou nesta quinta-feira (29) a vereadora e atual presidente da Câmara Geusa Ribeiro de armar um golpe para destituí-lo do posto.

De acordo com Vitor Hugo, Geusa teria anulado a votação que o elegeu como presidente da Câmara, fazendo com que no próximo ano ela seja a prefeita a partir de janeiro.

Vitor Hugo declarou que os vereadores da base foram até a delegacia dar queixa já que informaram que não votaram o projeto de anulação que foi elaborado no dia seguinte à votação. O projeto pede a eleição de uma nova mesa, com Geusa Ribeiro como presidente.

Há muito tempo eu vinha anunciando esse golpe da vereadora Geusa. Na terça-feira no último momento dessa sessão especial mandaram desligar as câmeras e o vereador Eudes apresentou em caráter de urgência um projeto dizendo que era pra pedir a cassação dos vereadores afastados e garantir que os suplentes assumissem, eles aprovaram  e logo depois da sessão pediram o projeto de lei para dar uma olhada e não tinha nada. Mudaram a lei orgânica do município para que ela assuma a prefeitura. Ela vai responder criminalmente nós temos todas as provas disse o prefeito.

Por sua vez Geusa declarou que o prefeito está fazendo pressão na base para anular um projeto que eles mesmo aprovaram.

É com muita tranquilidade que digo que isso não existe, é uma manobra infelizmente que o atual vereador e hoje interino Vitor Hugo que está dando pressão na sua base em um simples projeto que foi assinado por todos. Eu não posso agora dizer que eles votaram e no outro dia por pressão do nada eles criaram essa situação disse.