Recuperada de lesão, Ingrid Oliveira chega a Lima para os Jogos Pan-Americanos

Ingrid Oliveira já está em Lima para a disputa dos Jogos Pan-Americanos. Esperança de medalha do Brasil nos saltos ornamentais, a carioca de 23 anos vinha realizando tratamento intensivo para curar um edema ósseo no punho esquerdo. Por conta da lesão, Ingrid foi retirada do Mundial de Esportes Aquáticos da Coreia do Sul, há duas semanas.
A lesão incomodava a saltadora brasileira há quatro meses. Ela já chegou machucada em Gwangju e, mesmo assim, participou da plataforma de 10m mista, ao lado de Isaac Souza. A execução dos saltos agravou a condição. A atleta contou que, em duas quedas, a força da água fez com que a mão se chocasse com a cabeça, piorando as dores.

Ver essa foto no Instagram

Pan American Games 🇵🇪 #Lima2019 #TimeBrasil

Uma publicação compartilhada por ➝ Ingriԃ Oliʋeiɾα (@ingrid.oliveira96) em

Além do Pan,Ingrid tem em mente outro foco, para daqui a alguns meses. Como não disputou as eliminatórias da plataforma de 10m em Gwangju, a saltadora não pôde pleitear uma das 12 vagas diretas – para as 12 finalistas da prova – que a competição coreana distribuiu para a Olimpíada de Tóquio.

Agora a carioca terá nova chance de carimbar sua vaga para os Jogos em fevereiro, quando acontece a Copa do Mundo/Pré-Olímpico, justamente na capital japonesa. O torneio define as atletas classificadas para o megaevento esportivo.

O Pan de Lima
O Pan de Lima reúne cerca de 6.580 atletas de 41 países das Américas. Dos 39 esportes, 22 valem como classificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020. No total, o Brasil terá 485 atletas em ação na capital do Peru. E os canais SporTV transmitem ao vivo os principais eventos até o dia 11 de agosto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *