Deputado Moacir Rodrigues critica Julian e pede para ser expulso do PSL: ‘Não tenho nem o contato dele’

A crise instalada no PSL Nacional vem refletindo nos filiados e mandatários do partido em alguns Estados e Capitais brasileiras. É o caso de João Pessoa onde o deputado Moacir Rodrigues revelou, nesta quarta-feira (16), que queria ser expulso da legenda.

Á reportagem do programa de Rádio “Arapuan Verdade“, Moacir adiantou que vai fazer uma consulta ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) para não sofrer nenhuma penalidade.

Ao ser questionado se tem conversado com o deputado federal Julian Lemos, presidente estadual do PSL, Rodrigues foi enfático: “Não tenho nem o telefone dele”.

O deputado revelou que o diretório estadual do partido só se reuniu, até hoje, apenas uma vez. Segundo Moacir Rodrigues, já que o presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, quer expulsar o presidente Jair Bolsonaro, expulse também ele e todos os filiados.

Na terça-feira, o deputado Cabo Gilberto já havia admitido sair do PSL assim que o presidente Bolsonaro deixasse a sigla partidária. Gilberto afirmou que seu mandato não está subordinado a ninguém e que não daria, caso tomasse outro rumo político, satisfação ao deputado Julian Lemos.

Paulo de Pádua/Fernando Braz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *